Praia do Algodio ou Praia do Norte para os amigos ...



Estavamos no Inverno de 1990.

A bela da Surfada não podia esperar, aquela esquerda magnifica do pontão para a praia.

Depois da surfada quando já estavmos prontos para ir embora, exaustos e famintos, eis que alguém se lembrou e disse: "E que tal tirarmos uma foto para a posteridade?"

E não é que tiramos mesmo a foto?

Da esquerda para a direira:

Mijas, Mocho, Fred, Nani e Paulinho.

5 comments:

Nani said...

Hiiiiiiiiii...
Não me lembrava desta foto.
Lembro-me que as esquerdas do algodio eram, uma a onda a ter em conta...
Mudam-se os tempos mudam-se as vontades.
Obrigado Paulinho.

HEM said...

Essa foi mesmo tirada do fundo do baú. Nessa altura ainda nem sequer vos devia conhecer.
Mas lembro-me muito bem de surfar nas Esquerdas do Norte e de aí me ter fidelizado.

Era aí que tudo acontecia e onde o pessoal se encontrava (por oposição da Praia do Sul, que era frequentada pelos “Betinhos do Sul”).
Ainda me lembro perfeitamente, dos famosos e revolucionários aéreos do Kikas – se hoje em dia é, ainda, uma manobra espectacular e fora do normal, imagine-se na altura, que o conceito de radical era sinónimo de “round house cut back”, “floater” ou, para quem fosse mesmo bom, um “lay-back” –, com a sua inconfundível prancha amarela com um pequeno autocolante do “Adam Smith” (um conhecido skater americano do Team Alva)

Um pouco mais tarde, e quando o Team começava a assumir a sua forma embrionária, já fartos de tanto crowd na praia do Norte, é que começamos a frequentar SS, que, imagine-se, quase que era um secret spot.

Curiosamente, foi o SS a passar a ser o spot de encontro de todo o pessoal e as Esquerdas do Norte deixaram de funcionar como antigamente (tal como nos Papuços).

Hoje em dia, SS já perdeu o brilho de outros tempos, mas guarda as melhores memórias de muita gente na Ericeira.

Rui said...

Gosto especialmente do cabelinho à tigela do Paulinho...ehehehe

Ainda me lembro em 1985 e 86, quando ainda nao tinha prancha (só comprei em Abril de 87) de passar os dias na praia do norte a ver os "prós" a surfar. Os melhores eram.. Irmãos Mille, o irmão do Kikas (belo estilo que ele tinha a surfar... será que ainda surfa??) e havia ainda um rapaz de lisboa que ainda á pouco tempo vi em s. Julião mas nem sei o nome dele.

Entre os tempos de antigamente e os tempos de hoje acho que há uma grande diferença e que é o motivo de já não termos paciência para certas coisas. Antigamente havia PUREZA....
Abraços a todos os surfistas que se mantêm puros nos seus ideais relativamente ao que é o surf.

Pedro Sá said...

Sabes quem foi o alguem que se lembrou ????

Foi eu, paulinho TTD.

Depois envio a outra que tenho lá para casa.

HEM said...

"Senhour Engeinheiiiiro" sê bem vindo ao blog.

Cá estamos à espera dos teus contributos.

Um abraço Sá.